SP – Águas da Prata

Tudo começou com uma pergunta : Algo programado para este final de semana ? Tudo combinado e nada decidido resolvemos nos encontrar para um passeio originalmente para Itajubá, talvez Poços de Caldos, no final a escolha de ultima hora ficou para a pequena Águas da Prata.

Foi na medida exata do que esperávamos, uma boa quilometragem em estradas boas, temperatura agradável e um local agradabilíssimo para um bom papo com os amigos, nessa hora sem grandes compromissos em achar um bom local para almoço e ficamos mesmo nos salgados, pastéis e delicias de milho servidas na praça onde centraliza boa parte do comércio turístico da cidade.

O nome Prata vem de uma corrutela do tupi-guarani – ‘Pay tá”, que, ao ser pronunciada pelos portugueses, tornou-se “Prata”, “Pay tá” quer dizer “água dependurada” ou cachoeira. Atribui-se a escolha e utilização desse termo pelos índios em função das estalactites que se formam na região, originadas a partir da grande concentração de sais minerais existentes. Águas da Prata, de encanto, magia e natureza vive a Rainha das Águas, localizada a 239 km de São Paulo, a cidade ao sopé da Mantiqueira, com uma altitude de 818 metros possui um clima ameno, ideal para recuperar o corpo e a mente. Na cidade há atrações diversas tanto para os mais jovens, por seus esportes radicais, como para os mais velhos que buscam e encontram um lugar tranquilo e sem violência.

Não tivemos muito tempo para explorar todo o potencial turístico da cidade, mas com certeza valerá a pena voltar para conhecer um pouco mais tudo o que tem a oferecer, como trilhas, restaurantes, a bela fonte luminosa e muito mais…


Águas da Prata

[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_094557.jpg]7180
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_094608.jpg]6660
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_123404.jpg]5520
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_123416.jpg]5020
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_123425.jpg]4740
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_123440.jpg]4430
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_123459.jpg]4230
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_135223.jpg]4240
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_135252.jpg]3900
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_135342.jpg]4070
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_135400.jpg]3870
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/aguas-da-prata/thumbs/thumbs_20120324_135406.jpg]3810

Tecle no botão FS para visualizar em tela cheia.


Paradas para descanso
Nosso passeio iniciou-se no Posto BR do km 38 da Rod. dos Bandeirantes, o Frango Assado, para um cafezinho com pão na chapa, imperdível, mas há outras boas opções como o Lago Azul no km 61 ou o já consagrado point dos motociclistas o Shopping Serra Azul.

A partir do momento que sai da Rod. dos Bandeirantes e D. Pedro já começará a escassear as opções, sendo que a última boa opção na ida é o Posta da Rede Petronas.

No retorno é mais complicado ainda, se você não tiver muita autonomia não deixe de abastecer no posto em Águas da Prata, ppor que precisará percorrer aproximadamente 30 kms até um postinho com aparência duvidosa, mas que abastecemos sem problemas e mostrou ter uma gasolina honesta, passando este ultimo posto serão pelo menos mais 130 kms até encontrar outro posto, portanto fique atento a sua autonomia para não passar por um sufoco desnecessário.


Trajeto


Situação das estradas
Rod. dos Bandeirantes e D. Pedro I com excelente pavimentação, alguns pontos em obra de recuperação, mas ainda é uma das nelhores estradas do estado.

SP-344 com 2 pistas, pavimentação nova e muito bem feita e SP-340 com várias imperfeições, mas nada que comprometa a segurança ou o ritmo da viagem.


Comments are closed