SP – Serra da Paulista

Passear com os amigos é tudo de bom, com muitos amigos então nem se fala e se completar ainda tiver um bom passeio por uma serra com belas paisagens então podemos dizer que tem tudo para ser perfeito.

bastaria ser chamada Serra Paulista e não da Paulista, que indica posse, pertencimento. Pesquisando este fato foi dito que ali morava uma mulher, presumivelmente paulista, que era muito importante, famosa – mas não souberam dizer porque era importante, famosa, e passaram então a chamar de ‘Serra da Paulista’, querendo dizer Serra em que mora a Paulista’.

Faz um tempo que esperava uma oportunidade de conhecer a Serra da Paulista ou Serra do Deus me Livre, por um acaso esbarrei em algumas fotos enquanto pesquisava possíveis destinos para passeios, mas o tempo foi passando e o destino caiu no esquecimento. Desta vez a necessidade de localizar um passeio diferente lembrei das fotos da Serra da Paulista e acabou sendo um passeio muito gostoso que angariou vários amigos dispostos a conhecer.

A Serra da Paulista é o trecho que liga São João da Boa Vista à São Roque da Fartura, um minusculo distrito de Águas da Prata, portanto não espere nada neste destino, curta as paisagens da serra e dirija-se à Águas da Prata ou Poços de Caldas.


Serra da Paulista

[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3152.jpg]1840
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3153.jpg]1570
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3154.jpg]1450
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3155.jpg]1310
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3156.jpg]1260
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3157.jpg]1240
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3158.jpg]1180
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3159.jpg]1090
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3160.jpg]990
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3161.jpg]960
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3162.jpg]950
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3163.jpg]1040
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3164.jpg]1080
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3165.jpg]880
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3166.jpg]900
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3167.jpg]1030
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3168.jpg]970
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3169.jpg]1050
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3170.jpg]1130
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3173.jpg]990
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3175.jpg]1030
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3176.jpg]900
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3177.jpg]870
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3178.jpg]860
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3181.jpg]830
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3182.jpg]790
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3183.jpg]850
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3185.jpg]960
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3186.jpg]990
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3187.jpg]930
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3188.jpg]790
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3190.jpg]750
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3191.jpg]790
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3192.jpg]750
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3194.jpg]780
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3196.jpg]900
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3198.jpg]830
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3199.jpg]800
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3200.jpg]770
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3202.jpg]770
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3203.jpg]710
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3204.jpg]660
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3205.jpg]750
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3206.jpg]820
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3208.jpg]830
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3210.jpg]910
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3211.jpg]810
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3212.jpg]720
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3213.jpg]780
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3214.jpg]790
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3215.jpg]770
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3217.jpg]690
[img src=http://www.passeiodemoto.net.br/wordpress/wp-content/flagallery/serra-da-paulista/thumbs/thumbs_dscf3221.jpg]740

Tecle no botão FS para visualizar em tela cheia.


Paradas para descanso
O ponto de encontro foi o posto Frango Assado da Rod. dos Bandeirantes, durante o trajeto há outras boas opções de parada, mas pela distância a melhor parada ( e ultima ) na Rod. SP-340 é o Posto Frango Assado, depois dele os pontos de parada começam a escassear, portanto aproveite a parada antes de seguir um ultimo trecho de pouco mais de 100 kms desta parada.


Trajeto


Situação das estradas
Rod. dos Bandeirantes, SP-340 com alguns trechos em obras, mas não terão nenhuma dificuldade de vencer este trecho, na SP-340 siga as orientações para Aguaí.

O macete deste trajeto é sair da SP340 quando encontrar a indicação para Vargem Grande do Sul, alguns kms adiante fiquem atentos à placa indicando São João da Boa Vista, este trecho terá vários redutores de velocidade e o asfalto está razoável, entre em São João seguindo sempre em frente, pouco tempo depois dobre à esquerda e verá as indicações para os restaurantes rurais e Serra da Paulista.

Divirta-se com cuidado nas várias curvas da Serra, mas cuidado que logo após uma curva há uma lombada sem sinalização, passando por ela seguirá todo o trajeto sem susto até São Roque da Fartura, entre na cidade e logo que começar a descer a ladeira dobre à direita e chegará na estrada que para a esquerda chega em Vargem Grande e à direita Águas da Prata.


Comments are closed